Antes de investir em práticas para melhorar a produtividade, tanto sua quanto de seus colaboradores, é necessário que haja uma gestão de desempenho em sua empresa. Vamos explicar o porquê neste conteúdo.

Primeiramente, é preciso analisar, por exemplo, se seus colaboradores estão sendo improdutivos por hábitos de desorganização e falta de incentivo ou porque estão trabalhando em setores que não tiram deles o seu melhor e precisam ser realocados.

Veja, a seguir, um exemplo de avaliação de desempenho:

Para avaliar o desempenho de um vendedor, por exemplo, você terá que definir alguns tópicos e medi-los por alguns dias repetir a avaliação. Assim, poderá chegar em dados do seu desempenho que devem ser analisados com cuidado.

Para essa situação de avaliação, você poderá partir de perguntas como:

  • O vendedor está seguindo o roteiro de vendas exigido pelo setor?
  • Ele está destacando determinado ponto positivo sobre o produto ou serviço vendido?
  • Eles estão preenchendo informações e seguindo processos importantes?

Com os dados coletados por meio destes tópicos será possível avaliar o desempenho do vendedor, descobrir falhas no processo de vendas e tomar medidas necessárias para melhorar a produtividade. Portanto, a partir desse ponto, é possível desenvolvê-los para se tornarem altamente produtivos. Pois a produtividade é uma habilidade e, por isso, deve ser estimulada.

Partindo dessa premissa, além de fazer uma gestão de desempenho, para ter uma empresa absurdamente produtiva, é necessário ter como objetivo desenvolver meios de praticá-la. Isso para que, depois de um certo período de tempo, ser produtiva deixe de ser um problema e torne-se uma característica da sua empresa.

7 dicas de como melhorar a produtividade em sua empresa

Como aumentar a produtividade da equipe

1. Motive seus colaboradores

É comprovado que colaboradores motivados são mais produtivos. Pois enxergam sentido naquilo que fazem e, por essa razão, trabalham com mais entusiasmo.

Para motivar seus colaboradores muitas ações podem ser tomadas. Desde medidas que não requerem um investimento financeiro até outras que contam com um valor por parte da empresa.

Para motivar seus colaboradores, promova treinamentos, workshops, palestras, invista em suas carreiras. Demonstre reconhecimento pelo trabalho realizado por eles e, além disso, os recompense por dedicar tempo de suas vidas para contribuir com o seu negócio.

2. Delegue tarefas adequadamente

Para delegar tarefas adequadamente aos colaboradores da empresa, é necessário conhecer bem os setores, bem como os talentos na seu time.

Para isso, a gestão de desempenho feita anteriormente irá lhe ajudar. Com isso, você saberá delegar as tarefas corretas para os perfis certos dentro da companhia.

A matemática é simples: se a tarefa for delegada para o colaborador mais adequado, ela será concluída em menos tempo e com êxito.

3. Otimize o tempo dos seus colaboradores

Investir em treinamentos de gestão de tempo para os seus colaboradores pode ser uma estratégia inteligente para melhorar a produtividade.

Como apresentado na dica 1, investir em treinamentos desenvolve habilidades e, igualmente, motiva o colaborador.

Por isso, que tal treiná-los, efetivamente, para serem mais produtivos? Ensinando-os a otimizar o tempo no trabalho e também fora dele.

4 – Estimule a prática de exercício em sua empresa

Colaboradores saudáveis = colaboradores produtivos

Se o seu colaborador está quase sempre sentindo alguma dor ou não cuida da saúde adequadamente, sua produtividade pode ficar ameaçada, certo? Para mudar esta realidade, promova intervenções de exercícios diários em sua empresa.

A sensação causada, por exemplo, por momentos de alongamento aeróbico, e até mesmo meditação, fará com que as próximas horas de trabalho sejam mais produtivas.

Além disso, lembre-se de incentivá-los a estender o momento de cuidado para fora da empresa, ok?

5 –  Identifique padrões de produtividade

Uma das atuais tendências das empresas é flexionar os horários e ambientes onde o colaborador realiza o trabalho. Chegou o momento de implantá-la também na sua.

Você provavelmente sabe que as pessoas são produtivas de maneiras diferentes. Algumas são mais produtivas na parte da manhã, outras no período da tarde e algumas à noite.

Por isso, flexibilize os horários dos seus colaboradores, bem como o seu ambiente de trabalho. Crie um dia de home office, se possível, para seu capital humano. Isto resultará no quanto produzem e demonstrará sua confiança por eles.

6 – Estabeleça prioridades para sua empresa

Do que adianta seus colaboradores serem produtivos em cima das atividades erradas? Conheça bem sua empresa, suas necessidades, o que quer realizar e onde quer chegar.

Dessa forma, a dedicação dos seus colaboradores será facilmente percebida e, igualmente, seus objetivos atingidos.

7 – Recompense seus colaboradores

Ao recompensar seus colaboradores, você estará motivando-os e, portanto, incentivando-os a serem mais produtivos. Quando trabalhamos e somos reconhecidos é fácil querermos trabalhar mais para continuar sendo recompensados, não acha?

E então, ficou mais fácil ser absurdamente produtivo nos negócios agora?

Além disso, saiba que a gestão de desempenho pode servir como um indicador para testar se as medidas para tornar seus colaboradores mais produtivos realmente estão funcionando para a realidade da sua empresa.

Agora é com você, que tal fazer uma avaliação de desempenho em sua empresa e aplicar as dicas extras que apresentamos? Depois nos conte seus resultados, será um prazer ouvi-lo.

CTA Trocar de Contador