Conube

Conube


dezembro 2016
D S T Q Q S S
« nov.    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Categorias


Conheça 5 métricas de vendas para quem está começando

heberson barbosaheberson barbosa

Uma empresa que está começando a abrir suas portas tem diversos desafios pela frente. Certamente, um deles é encontrar clientes, receber feedback de seu produto/serviço e evoluir continuamente. Porém, é importante também que, desde o início de sua abertura, sejam traçadas metas de vendas e se utilize métricas para alcançar a meta estipulada.

Ao identificar e mapear as principais métricas de vendas você é capaz de ter uma compreensão de onde está e o que tem que fazer para atingir essas metas. Existem algumas métricas que, quando controladas, ajudam empresas a analisar seu desempenho e encontrar novas oportunidades. São elas:

1. Tenha uma meta alcançável

Não adianta querer criar uma meta que seja impossível de ser alcançada, pois a única coisa que você conseguirá fazer é se desmotivar. Por isso, para iniciar qualquer período de trabalho, trace uma meta que seja atingível no final do mês. Deixe bem claro quantos negócios precisa fechar e quanto de dinheiro precisa trazer para a empresa.

2. Ticket médio

Essa é uma métrica muito importante, uma vez que ela mostra o quanto você está produzindo em vendas reais. Ela aponta quanto de dinheiro, em média, o vendedor traz para a empresa por negócio fechado. Para calcular o seu ticket médio, basta dividir a quantidade de receita que você trouxe pelo número de negócios fechados no mesmo período. É importante saber que não importa o número de novos clientes, mas, sim, o ticket médio de cada cliente dentro da sua carteira.

3. Número total de oportunidade abertas

oportunidadeOportunidades abertas são leads ou prospects que têm interesse em seu produto ou serviço e que podem virar um negócio fechado. Ao descobrir quantas oportunidades são criadas, você consegue ver em seu funil de vendas quantas oportunidades totais você tem para trabalhar e vender. Com essa métrica é possível saber se você precisa aumentar a prospecção e a qualidade dos leads gerados.

4. Número de propostas enviadas

Saiba o número de propostas envidadas em um mesmo período e avalie seu desempenho. Nesta etapa do funil, você já deve ter identificado quais são os clientes que tem um maior potencial para fechar o negócio para não perder o seu tempo fazendo uma proposta. Essa é uma métrica importante quando avaliada junto ao número de negócios fechados. Ela ajuda descobrir se você está perdendo o seu tempo com clientes errados ou se a sua estratégia de valor precisa ser reavaliada.

5. Número de negócios fechados

Nesta métrica você atingiu o final do funil de vendas e finalizou a venda. Com ela, você vai saber se o seu funil de vendas está aumentando, se você está abrindo e fechando negócios o suficiente.

Utilize um CRM para ajudar a monitorar o seu processo comercial

Para ter uma melhor eficiência no monitoramento dessas métricas é aconselhável usar um sistema de CRM. CRM é a sigla para “Gestão do Relacionamento com Clientes” e trata-se de uma estratégia que une todos os pontos de contato com os clientes. Um sistema de CRM irá auxiliar no controle de suas vendas, assim como no desempenho de sua equipe de vendas e sucesso de sua empresa.

Dica: Se você ainda não conhece uma ferramenta de CRM, confira o Agendor, a ferramenta em nuvem que criamos para quem vive de fechamentos, contratos e relacionamentos diariamente.

* Este artigo foi escrito por Gustavo Paulillo, Cofundador do Agendor.

Heberson Barbosa é consultor especialista em User Experience. Trabalha há 14 anos com projetos nas áreas de marketing digital, design, usabilidade, arquitetura de informação e front-end. Seu foco é atender as necessidades das pessoas e gerar experiências agradáveis e amigáveis que melhorem a relação entre os usuários.

Comments 0
There are currently no comments.